Anda di halaman 1dari 6

Ciências da Natureza e suas

Tecnologias – Física
AS FASES DA LUA
AS FASES DA LUA

ara compreender a existência das fases da Lua é necessário levar em conta três
aspectos: 1º) Que enquanto a Terra vai girando em redor do Sol, a Lua efetua o mesmo
movimento em redor da Terra, fazendo em 27 dias uma revolução completa. 2º) Que a
Lua é um globo escuro, como a Terra, a qual não possui luz própria e só é visível na
região iluminada pelo Sol, que, no caso da Lua, é sempre metade do seu globo, porém,
para quem olha da Terra, depende das suas posições relativas. 3º) Que o plano de
rotação da Lua em torno da Terra é inclinado em relação ao plano de rotação da Terra
ao redor do Sol (veja a figura abaixo).
Lua nova

Ocorre quando a Lua se encontra entre o Sol e a Terra. Nesta posição, o satélite mostra
à Terra seu hemisfério oposto ao Sol, isto é, o lado escuro; por isto o astro se torna
invisível para o observador terrestre. À medida, porém, que a Lua se afasta desta
posição, vai nos apresentando gradualmente, parte do seu hemisfério iluminado.
Quarto crescente

Inicia-se sete dias depois da lua nova, quando as posições da Terra para o Sol e para a
Lua formam ângulo reto. A Lua aparece como que cortada ao meio: metade brilhante
e metade escura. Nos dias subsequentes ao quarto crescente, o fuso iluminado visível
continua aumentando, motivo pelo qual a Lua vai tomando a forma de lente
biconvexa.

Lua cheia

É quando observamos a metade da Lua que está voltada para a Terra. Começa entre 14
e 15 dias depois da lua nova, quando a Lua se encontra em oposição com o Sol. A
região iluminada da Lua, vista da Terra, toma todo o hemisfério, uma vez que a linha
de contorno aparente coincide com a linha que delimita a iluminação.

Quarto minguante

Ocorre 22 dias após a lua nova e o disco iluminado, visto da Terra, é, outra vez de 90º,
como no quarto crescente. O disco lunar parece novamente estar cortado pela
Nas noites seguintes, a parte iluminada da Lua vai diminuindo, vai decrescendo,
minguando, até desaparecer de todo ao interpor-se entre o Sol e a Terra e atingir
novamente a fase de nova. Recomeçando, a partir de então, um novo ciclo de fases,
que se repete periodicamente a cada mês.
A figura acima mostra, no circulo central, de que forma os raios solares incidem sobre
a Lua. E nas figuras externas de que forma vemos essa iluminação olhando da Terra (as
fases da Lua). A Lua Nova (totalmente escura) não é mostrada.