Anda di halaman 1dari 11

Este trabalho tem o objetivo de mostrar o papel

importante e significativo que estas instituições


desenvolve na vida das pessoas que sofrem de algum
tipo de distúrbio mental
CAPS E NAPS
Conceito

CAPS – Centro de Atenção Psicossocial. São


unidades de atendimento intensivo aos portadores de
sofrimento psíquico grave, constituindo uma
alternativa ao modelo centrado no hospital
psiquiátrico.

NAPS – Núcleo de Atenção Psicossocial. Se constitui


em referência obrigatória para a implantação de
serviços substitutivos ao manicômio em nosso país, é
o avanço na superação do modelo centrado nos
hospitais psiquiátricos, ambulatórios e urgências
psiquiátricas.
Projeto para implantação do CAPS

Os Centros e Núcleos de Atenção Psicossocial


nasceram na seqüência do questionamento do
Hospital Psiquiátrico e sua falência como meio de
tratamento revela-se em diversos aspectos, o CAPS e
NAPS tentam questionar e reverter tais situações em
que se encontra os deficientes mentais.
O CAPS e NAPS seguem no caminho inverso dos
manicômios pois pretendem criar um dispositivo
social de tratamento onde a exclusão é questionada
em todos os seus aspectos, fazendo com que a
sociedade aceite as diferenças desses indivíduos
respeitando-os como seres especiais.
Objetivos específicos
 Oferecer atendimento à população de sua área de
abrangência.
 Realizar o acompanhamento clínico e a reinserção social
dos usuários.
 Proporcionar ao indivíduo trabalho, lazer, exercício dos
direitos civis.
 Fortalecer os laços familiares e comunitários.
 Possibilitar aos usuários uma lenta, difícil, mas efetiva
construção da cidadania.
 Capacitar os usuários a governar a própria vida para
conquistar o seu espaço na sociedade.
 Resgatar o amor e a alegria de viver.
Público Alvo

O CAPS e os NAPS têm como clientela as


pessoas que chamamos de “psicóticos graves”.
Podemos considerar dentro desta denominação
tanto aquelas pessoas que já têm um grande
número de internações psiquiátricas sem melhora
efetiva, e que permanecem, quando das altas, sem
criar uma vida produtiva para si, quanto outras
que, em quadros agudos, mesmo sem nenhuma
experiência de internação, correm o risco de
entrarem para a camada “carreira de doente
mental”, geralmente sem volta.
Metodologia e Tratamento

O método e o tratamento é personalizado e


singularizado, tanto do ponto de vista de um único
indivíduo que ali se encontre, como de um serviço
em uma dada região. A oferta de um CAPS é
regionalizada e comunitária, preocupada e
condizente com o território que contorna o serviço
e, conseqüentemente, seus usuários e
funcionários. O CAPS é um modelo de
atendimento em saúde mental será geral o
suficiente para que dentro dessa idéia, sejam
passíveis de inclusão os mais diversos serviços,
com suas particularidades.
Profissionais Envolvidos

O CAPS é formado por uma equipe


permanente que inclui psicólogos, assistentes
sociais, um enfermeiro, um psiquiatra e um
artista cênico. Além do atendimento clínico
com todos esses profissionais são oferecidas
aos usuários diversas oficinas: ioga, capoeira,
tai chi, teatro, mosaico, velas entre outras que
contribuam para levantar a auto-estima dos
usuários.
Tipos de CAPS
“Existem diferentes tipos de CAPS, segundo seu porte e
clientela”:
 CAPS I – Serviço aberto para atendimento diário de
adultos com transtornos mentais severos e persistentes;
entre 20 e 70 mil habitantes
 CAPS II – atende a mesma clientela com municípios com
mais de 70 mil habitantes.
 CAPS III – serviço aberto para atendimento diário e
noturno, durante sete dias da semana, isso em grandes
cidades.
 CAPS i – voltado para a infância e adolescentes.
 CAPS ad – voltado para usuários de álcool e outras
drogas, atendimento diário à população com transtornos
decorrentes do uso de substâncias
Conclusão

Hoje com o aumento progressivo da violência, da


competição, do estresse, do empobrecimento, da
desigualdade, da corrupção, do desequilíbrio da
natureza, não poderia deixar de gerar efeitos bastantes
nocivos na saúde mental da população.
Percebe-se claramente que os transtornos
psicopatológicos irrompem por todos os lados
independente de classe econômica e social.
Os Centros de Atenção Psicossocial (Caps) são
serviços de saúde mental de base territorial e
comunitária do SUS, referências no tratamento das
pessoas que sofrem com transtornos mentais (psicose,
neurose graves e demais quadros).
Referências

Centro De Atenção Psicossocial – Caps – Buri


de Abrantes Camaçari - Ba.
Webartigos.com | Textos e artigos, Caps e Naps.

Caps de Alagoinhas. Conversa Informal


www.saudemental.med.br/Port224.htm
saudementalnarede.blogspot.com.br
Faculdade Dom Pedro II
Bacharelados em Serviço Social IIIº Semestre
Docente: Jailson Braga
Disciplina: Psicologia Social
Abordagem: CAPS e NAPS
Realizadores:
Aline Oliveira Andréa Viana
Cíntia Santos Gilmara Almeida
Regina Célia Rita Antunes
Martha Pimenta
Nossos agradecimentos a todos os presentes.