Anda di halaman 1dari 52

Câncer gástrico

Acadêmicos: Camilla Chaves Issa


Eduardo Loureiro
Maria Clara Novaes
Orientador: Dr. Romildo D’Angelis
Anatomia
CA GÁSTRICO

 Incidência
 Fatores de risco
 Infecção pelo Helicobacter pylori

Adenocarci
noma
Displasia
Metaplasia
Atrofia
Gastrite
Infecção
 Hereditário e genético
 Inibidores de bomba de prótons
 Pólipos adenomatosos
Classificação
CLASSIFICAÇÃO DA OMS

Adenocarcinoma

Carcinoma de células
adenoescamosas
Carcinoma de células
escamosas
Carcinoma indiferenciado

Carcinoma não classificado


CLASSIFICAÇÃO DA SOCIEDADE
JAPONESA
DIAGNÓSTICO E INVESTIGAÇÃO
 Sintomas
 Sinais

Linfonodo de Virchow
Linfonodo Irmã Maria José
Tumor de Krukenberg
Prateleira de Blummer
 Estadiamento
Exames complementares
 Exames laboratoriais
 Endoscopia e Ultrassonografia endoscópica – biópsia
 Tomografia computadorizada
• PET
 Videolaparoscopia
(Almeida et al., 2018)
Tratamento

 Tratamento cirúrgico
 NEOPLASIAS DO ANTRO GÁSTRICO:
 Gastrectomia subtotal de três quartos ou quatro quintos
com a margem de segurança de pelo menos 6 cm e secção
do duodeno 3 abaixo do piloro.
 Reconstrução em Y de Roux.
 Linfadenectomias n1 e n2.

 NEOPLASIA DO CORPO GÁSTRICO:


 Nos pacientes classificados como passíveis de abordagem
“curativa”, a cirurgia indicada é a gastrectomia total com
pancreatectomia distal e esplenectomia.
 Reconstrução do trânsito através do esôfago-jejunostomia
término-lateral em Y-de-Roux, transmesocólica.
 Linfadenectomias n1 e n2.
 NEOPLASIAS DO FUNDO GÁSTRICO E/OU CÁRDIA:
 A cirurgia indicada é a esôfago-gastrectomia total por via
abdominal. O hiato esofagiano é aberto superiormente e a
reconstrução do trânsito por esôfago-jejunostomia realizada
conforme descrita para os tumores do corpo gástrico.
 Linfadenectomias n1 e n2.

 PALIATIVA:
 As cirurgias paliativas são realizadas com ressecções e/ou
derivações.
 Dissecção de linfonodos
 Terapia neoadjuvante e adjuvante

 Terapia paliativa
• CA gástrico avançado
Complicações
 Tratamento clínico

 Intervenção cirúrgica
• Linite plástica
• Síndrome de Dumping
Recorrências
 Vigilância
 Acompanhamento
Referências
 TOWNSEND JUNIOR, Courtney M. et al. Sabiston, tratado
de cirurgia: a base biológica da prática cirúrgica moderna.
19. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, v.2, 2015.
 Almeida Maria Fernanda Arruda, Verza Leonardo,
Bitencourt Almir Galvão Vieira, Boaventura Camila Silva,
Barbosa Paula Nicole Vieira Pinto, Chojniak Rubens.
Tomografia computadorizada com protocolo gástrico e de
gastroscopia virtual no estadiamento do câncer gástrico:
experiência inicial. Radiol Bras [Internet]. 2018 Ago
[citado 2018 Nov 07] ; 51( 4 ): 211-217. Disponível
em:http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid
=S01039842018000400211&lng=pt. http://dx.doi.org/10.
1590/0100-3984.2017.0097
Referências
 Katai, H., Ishikawa, T., Akazawa, K. et al. Gastric Cancer
(2018) 21: 144.
 Mamon, H.; Enzinguer, P. et al. Adjuvant and neoadjuvant
treatment of gastric cancer (2018).
Obrigada!