Anda di halaman 1dari 18

II UNIDADE

TEMPOS COMPOSTOS
 Os verbos são ferramentas importantes para a
construção de sentido nos textos, expressando
as ações, os estados, os fatos e os fenômenos
da natureza presentes no cotidiano das
pessoas. Além disso, as flexões de modo,
tempo e pessoa indicam as circunstâncias em
que acontece a ação verbal, garantem as
noções de presente, pretérito e futuro na
Língua Portuguesa e estabelecem as pessoas
do discurso.
ESTUDAREMOS, AGORA, OS TEMPOS
COMPOSTOS E SUAS IMPLICAÇÕES PARA OS
SENTIDOS EXPRESSOS PELOS VERBOS.
 1. Tempos compostos
 Os tempos verbais podem se construir da
forma simples ou da forma composta. A forma
simples se dá quando a flexão verbal, é
totalmente expressa por uma só palavra, como
em “saíste”, “anda” e “estivera”. Em
contrapartida, a forma composta se dá quando
o tempo verbal é construído por dois ou mais
verbos.
EXEMPLO DE TEMPOS COMPOSTOS:
 “houvera encontrado”
 “tem feito”
 Observe as formas verbais em destaque nas
frases a seguir:
 1. “Em abril, pesquisadores das universidades
federais de Pernambuco(UFPE) e do Espírito
Santo (UFES) divulgaram, na revista científica,
a descoberta de uma nova espécie deporco-
espinho.
 2. “Intensamente devastada durante a
colonização, a faixa nordestina da Mata
Atlântica ainda tem apresentado
surpresas.”
 A forma verbal “divulgaram”, na frase 1,
encontra-se no pretérito perfeito simples
do modo indicativo. Nesse caso,
expressa-se um fato ocorrido e concluído
no passado por meio de um único verbo
flexionado em pessoa, tempo e modo.
 Em contrapartida, a forma verbal”tem
apresentado”, na frase 2, encontra-se
no pretérito perfeito composto do
modo indicativo e expressa algo que
se repete, que é contínuo, que “vem
ocorrendo”. Nesse caso, o pretérito
composto foi formado por um verbo
auxiliar no presente do indicativo
(tem) seguido por um verbo principal
no particípio (apresentado)
Depois da análise anterior, fica
mais fácil perceber que os tempos
compostos são variações de
alguns tempos verbais simples e
que são utilizados, muitas vezes,
para expressar sentidos
diferenciados dos tempos simples
aos quais correspondem.
VEJA OUTROS EXEMPLOS.

 Dormira mal naquela noite,por isso precisou


descansar após o almoço.

 Tinha dormido mal naquela noite, por isso


precisou descansar após o almoço.
No cotidiano, pode-se notar que
os falantes da Língua Portuguesa
preferem a forma composta em
suas comunicações orais e até
mesmo nas escritas. O pretérito
mais-que-perfeito simples do
indicativo é utilizado, mais
comumente, em textos escritos
que exigem maior formalidade.
TEMPOS COMPOSTOS NA VOZ ATIVA

 Na voz ativa (voz verbal em que o sujeito exerce


a ação verbal), os tempos compostos são
formados, em geral, pelos verbos auxiliares
“ter” ou “haver” seguidos do particípio do verbo
principal que se deseja conjugar. Observe:
 Tenho feito muitos exercícios.

 Haviam sonhado uma vida diferente.


 Tempos do modo indicativo e subjuntivo que
admitem a forma composta

 Vejamos a tabela no Livro 3, página 21.


OBSERVAÇÃO

 O futuro do presente composto e o futuro do


pretérito composto do modo indicativo podem
ter outros significados, dependendo da frase
em que encontram. Veja os exemplos a seguir:
 Já terei perdido as esperanças quando você
resolver conversar.
 (Frase dita por uma pessoa que quer se
reconciliar com outra.)
 Teríamos aproveitado mais a festa, não fosse a
sua atitude. Da próxima vez, reavalie suas
ações.
 ( Fala de uma pessoa a outra após
acontecimentos desagradáveis em um evento.)
 O uso do futuro do pretérito composto remete a
uma avaliação do locutor e sugere proposta de
mudança de ação do interlocutor.
 Vejamos a tabela na página 22
CONJUGAÇÕES DOS TEMPOS COMPOSTOS DE
VERBOS REGULARES
 A seguir, os verbos regulares “estudar”,
“vender” e “partir” (respectivamente, da
primeira, segunda e terceira conjugações) são
conjugados em suas formas compostas.

 Vejam os a tabela na página 22 e 23


FORMAS NOMINAIS COMPOSTAS

 As formas nominais dos verbos são o


infinitivo, o gerúndio e o particípio. As
formas nominais compostas, como
veremos a seguir, são infinitivo
impessoal, o infinitivo pessoa e o
gerúndio.
 Infinitivo impessoal composto (pretérito
impessoal)
 O infinitivo impessoal composto é formado do
infinitivo impessoal dos verbos “ter” ou
“haver” com o particípio do verbo principal.
Observe:
 Ter estudado, ter vendido, ter partido.
INFINITIVO PESSOAL COMPOSTO (OU PRETÉRITO
PESSOAL)
 O infinitivo pessoal composto é formado do
infinitivo pessoal dos verbos “ter” ou “haver”
com o particípio do verbo principal. Veja alguns
exemplos:
 Teres estudado (infinitivo flexionado na 2ª
pessoa do singular)
 Termos vendido ( infinitivo flexionado na 1ª
pessoa do plural)
 Haverem partido (infinitivo flexionado na 3ª
pessoa do plural)
GERÚNDIO COMPOSTO (PRETÉRITO)

 O gerúndio composto é formado do gerúndio


dos verbos “ter” ou haver” com particípio do
verbo principal. Veja os exemplos a seguir:
 Havendo estudado, tendo vendido, tendo
partido.